Imagem de fundo

Lista de convidados para festa infantil – como fazer passo-a-passo

Lista de convidados para festa infantil – passo-a-passo

Preparar uma lista de convidados para festa infantil não é, e nunca será uma tarefa fácil. Até mesmo, pessoas com mais experiência no assunto acabam ficando na saia justa e cometendo gafes nessa hora. E, para você não errar no número de convidados e tampouco deixar alguém importante de fora, preparamos algumas dicas infalíveis para te ajudar a elaborar sua lista de convidados sem estresse. Confira!

Siga o buffetsinfantis.com.br: Facebook | Instagram
Quer ter uma festa inesquecível? Encontre aqui seu buffet e faça sua festa!

Convidar um priminho que mora em outro país e que nunca se viram ou a coleguinha de classe, na qual nem sabemos quem é? Levar um vizinho da rua onde moramos ou convidar um amiguinho das aulas de futebol? Quem nunca se deparou com essas dúvidas que atire a primeira pedra! Elaborar uma lista de convidados para aniversário infantil dá trabalho e implica em decisões, muitas das vezes, mais complexas que essas acima.

Passo 1 – De quem e para quem é a festa?

Muitas das vezes, ao preparar a festa dos nossos filhos(as) assumimos um pouco o papel de “donos da festa” e deixamos de lado o principal anfitrião(ã), a criança. A festa é deles e para eles… deixem que eles façam parte dessa decisão e contribuam com suas opiniões na hora de elaborar a lista de convidados.

Outro ponto crucial é somente pensarmos nos pais e não nos filhos(as) destes, na hora de elaborarmos a lista de convidados! De que adianta convidar aquele tio ou amigo que não tem filhos? Ou aquela amiga que nem casada é? Quem realmente vai brincar com o aniversariante durante a festa e participar das brincadeiras, são as crianças. Pense nisso.

Passo 2 – Faça grupos de pessoas

Antes de começar sua lista, esboçe pequenos grupos por grau de importância como: membros da família, amigos do casal, colegas de trabalho, amigos da rua ou do condomínio, amigos da escola, do ballet, das aulas de futebol e etc (lembre-se que a festa é para o seu filho(a), quanto mais amiguinhos ele levar, mais feliz ele ficará).

Você também poderá subdividir esses grupos em familiares mais próximos e familiares mais distantes, amigos próximos e amigos mais distantes assim por diante. Assim, ficará muito mais fácil de encontrar as pessoas e grupos a serem convidadas e, caso tenha que cortá-las, você já saberá por onde começar.

Então, mãos a obra, papel e lápis e comece agora mesmo a fazer sua lista de convidados para sua festa infantil tão desejada.

Passo 3 – Relacione as pessoas em cada grupo

Esse passo é importantíssimo para não errar na sua lista. Considere o máximo de pessoas possíveis. Até mesmo aqueles mais distantes ou que quase nunca visitam a família.

Quanto mais pessoas lembrarmos, melhor. Assim evitamos esquecer algum amigo ou familiar nessa primeira lista. E não se preocupe com o tamanho dela, já que lá na frente faremos os cortes necessários.

Passo 4 – Não se esqueça dos agregados

Outro erro muito comum, ao se preparar a lista de convidados de uma festa infantil, é esquecer os agregados. Os casos mais comuns aqui são das babás, casais sem filhos que levam algum sobrinho e os solteiros que levam suas parceiras.

Então atente-se nesse momento e lembre-se que aquele casal que não tem filhos, provavelmente chamará um sobrinho para levar a tua festa.

Muitos casais hoje em dia optam em ter uma babá e elas tem que ser incluídas nessa primeira lista de convidados.

Tem também aquele tio solteirão ou aquela tia encalhada, que também deve ser lembrada nessa hora e deve-se acrescentar um acompanhante.

E sempre tem aquelas pessoas de que gostamos muito, mas são de círculos diferentes e têm pouca ou nenhuma afinidade com o restante dos convidados da festa, em exemplo muito comum, são os padrinhos das crianças. Nesse caso é um gesto de delicadeza e até mesmo de consideração, permitir que levem um acompanhante ou uma criança para que não fiquem deslocadas ou sozinhas durante o evento.

Leia mais!  Apaixone-se por esse buffet!!!

É claro que não dá para convidar todo mundo para a festa do seu filho(a) ainda mais se cada convidado da festa levar um agregado ou acompanhante. Mas fique calma, pois ainda adequaremos essa sua lista.

Passo 5 – Defina o orçamento da festa (1º limitador)

O quinto passo para se fazer a lista de convidados para festa infantil é definir o orçamento da festa. Quanto poderemos ou não desembolsar. E não tem jeito, o principal limitador da sua lista de convidados é o orçamento.

Lembre-se que, quanto mais convidados tiverem, mais gastos haverá com comida, bebidas e itens supérfluos como lembrancinhas e saquinhos de doces. A matemática é simples!

Quando se tem orçamento sobrando, não há muito o que se preocupar nesse caso, pois temos liberdade de convidar quantas pessoas forem necessárias. Porém se o orçamento for apertado, a lista de convidados é a primeira a sofrer o corte.

Você também pode elaborar a lista e depois buscar fornecedores que se encaixem no seu orçamento. Mas atenção com qualidade dos serviços contratados. De nada adianta chamar muitos convidados e oferecer serviços de baixa qualidade.

Passo 6 – A idade da criança (2º limitador)

Se seu filho tem entre mais de 8 anos, você pode pensar numa festa somente para as crianças, sem a necessidade de convidar os pais e parentes, o que de certa forma, acaba gerando uma economia bastante significativa. Eis alguns exemplos – Discol Bus, Pink Party, Kabanah Spa, Altitute Park e Free Jump Park.

Se você tem uma criança pequena, de até dois anos, sua festa provavelmente terá um número maior de adultos, mais até do que crianças e consequentemente seu orçamento aumentará e o local da festa deve ser apropriado.

Se seu filho não se encontra nas faixas acima, então ele terá entre 3 a 7 anos. Nesse período há uma combinação de fatores que poderá encarecer ou não a sua festa e consequentemente sua lista de convidados.

De qualquer forma, a escolha é sempre pessoal de cada família pois há pais que gostam de convidar outros pais e familiares próximos, sempre!

Mas, preste atenção! Este fator pode ser decisivo para você alinhar a sua lista de convidados.

Passo 7 – Escolha o local da festa (3º limitador)

Os pais precisam lembrar que o local da festa é importantíssimo para definir o número de convidados.

É necessário atentar-se a capacidade de lotação do ambiente, que deve acomodar todos confortavelmente e contar com um bom espaço para circulação, ainda mais numa festa infantil onde as crianças correm e brincam o tempo todo.

Passo 8 – Tipo de festa (4º limitador)

O tipo de festa também definirá a quantidade de convidados da sua festa. A festa será realizada para amigos íntimos e familiares ou para um grupo maior de pessoas?

Festas mais intimistas limitam a mesma a um pequeno grupo de pessoas, normalmente parentes bem próximos e quiçá alguns amigos íntimos ou vizinhos. Grandes espaços e festas maiores, tendem a ter muito mais convidados, que vão desde familiares até amigos do trabalho.

Passo 9 – Vamos a primeira peneira da sua lista de convidados

Com os passos acima definidos, é hora de determinarmos a quantidade estimada de pessoas que queremos convidar. O número máximo que você poderá incluir ou não na festa do seu filho(a).

Claro que, se deixar convidamos todas as pessoas da lista inicial para a festa dos nossos pequenos(as), mas precisamos também nos adequar ao tamanho do local onde será realizada a festa e o nosso orçamento para o evento.

Definido o orçamento para a festa e a quantidade de pessoas, precisamos determinar que grupos vamos tirar e quais devem permanecer.

É nesse momento que precisamos identificar os grupos nos quais farão parte da festa ou não. Ora, uma festa mais intimista combina mais com parentes mais próximos e familiares.

Passo 10 – Afinando sua lista de convidados para festa infantil

Muito cuidado nessa hora! Feito a primeira peneira, e muito comum cortarmos algumas pessoas de forma equivocada. Como exemplo, um tio ou uma tia mais distante. A recomendação é a de que os cortes comecem pelos outros grupos e por fim, em último caso, os membros da família.

Leia mais!  Estilo handmade: faça uma festa em um buffet com a sua cara!

Se sua lista tem 100 pessoas, mas o local acomoda 80 pessoas ou o seu orçamento está limitado a essa quantidade de pessoas, será necessário diminuir a lista de convidados. Adote um critério de corte e invente uma boa desculpa, já que algumas pessoas questionam o por que não foram convidadas.

Em festas pequenas e com orçamento apertado, 5 pessoas a mais ou a menos fazem a diferença. Então faça os cortes necessários. Atenção total.

Passo 11 – Confirme a presença

Essa é a parte mais chata, porém essencial para a sua festa ser inesquecível. Uma festa ideal tem a quantidade certa de convidados. É como aquela história do sal no arroz, “se pouco insonsa, se muito salga”!

Se poucos convidados forem, dará a impressão de vazio e tornará sua festa chata para os convidados. Se for o contrário, fica apertada demais, talvez falte comes e bebes, e ainda haverá um desembolso maior ao final da festa.

Sabemos que, quando fazemos uma festa de aniversário para 70 pessoas, nem todas estarão presentes à festa. Com a vida corrida que temos, fica difícil manter a proximidade com essa quantidade de convidados. Por isso, faça a confirmação dos convidados para que tenha um número mais próximo do real.

Na internet, há vários modelos de planilhas em Excel que auxiliam nessa hora. Baixe uma delas e depois é só enviar os convites e trabalhar na organização da sua festa!

Ah, um detalhe! Nunca use a falta de confirmação de alguns para convidar mais pessoas, pois além de ser deselegante, por ser muito em cima da hora para o convidado, você pode acabar extrapolando a lista, pois muitas pessoas se esquecem de confirmar presença e comparecem mesmo assim.

Passo 12 – Previna-se contra os penetras

Todos nós sabemos que levar pessoas que não foram convidadas a uma festa é, no mínimo, falta de bom senso. Pior ainda, quando a festa rola num buffet ou espaço para festas, onde excedentes são cobrados a parte e por um valor bem acima do que se cobraria caso tivesse sido avisado com antecedência.

Convidados não convidam! E espera-se que todos tenham bom senso. Sem contar no constrangimento para a anfitriã da festa, quando, por algum motivo, essa pessoa é “persona non grata”.

Para evitar esses desencontros, fale aos seus convidados para não levar ninguém fora da lista ou avisar com antecedência. Não há mal nenhum em fazer isso.

É sempre bom conversar também com o buffet sobre quantas pessoas você pode acertar ao final do evento, sem que o serviço da sua festa fique prejudicado. Na maioria dos buffets infantis e casas de festas, listados aqui no site Buffets Infantis, a tolerância é de 20% acima dos pacotes contratados.

Passo 13 – Feche a quantidade final de pessoas

Mesmo as pessoas que confirmam presença na festa do seu filho(a), acabam não comparecendo no dia do evento, por “n” motivos. Há quem diga que 10% dos confirmados faltam ao evento. É regra? Não, mas o padrão é mais ou menos esse.

A quantidade de pessoas deve ser sempre a mais próxima do real, para que não haja desperdícios e para que o serviço não fique prejudicado.

Pronto! Agora você está apta a elaborar sua Lista de Convidados para Festa Infantil!

 

E você? Tem algum passo que você sempre usa para fazer suas listas? Comente e compartilhe com a gente!

Encontre o buffet perfeito para a festa do seu filho(a)! Clique aqui…
Siga o buffetsinfantis.com.br nas redes sociais Facebook | Instagram

Participe do whatsapp do Buffets Infantis

Gostou? Compartilhe!

Buffets Infantis

Chega de ficar horas procurando um buffet infantil ideal para a festa do seu filho(a).

Seja o primeiro a comentar...

Desculpe, os comentários estão encerrados.

 

Fique por dentro! Junte-se a centenas de mães ávidas por festas!

Entre para nossa lista e receba com prioridade conteúdos exclusivos, dicas incríveis e tudo que acontece no mundo das festas infantis.

Um link será enviado para seu e-mail.